sábado, 21 de setembro de 2013

Sempre sorridente


O bom da casa está no regressar.
Para regressar é preciso partir.
Mas a casa de que falo
Está no centro do bosque luminoso do teu ser.
Sempre sorridente.
Mas independente
Do chegar e do partir!

Agosto.
Quintela de Azurara
Postar um comentário