terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Mais que a palavra...

Mais que a palavra chuva
Chova
Mais que a palavra amor
Amo
Mais que a palavra democrata
Que o Seja
Palavras belas escrevo
Mas só não enganam se estiverem vivas
Com sangue no coração do corpo
E quentura na alma
Mais que a palavra dádiva
Dou
Me dou
Aos outros e ao mundo
Mais que a palavra paz
Sou paz no olhar e nas mãos e no andar
E no fazer
Principalmente no fazer
Leva tempo leva tempo
A aprendizagem do mundo consciente
De ser árvore
Flor perfume suavidade beleza
Mas com as raízes na terra
Da semente
Que ela seja benfazeja
E cresça a palavra que seja também justa...
Então os pássaros cantam felizes em cima das suas silabas!
Que assim seja!

Ed.Aleixo
15 Fev.
Lx

Postar um comentário