quarta-feira, 7 de abril de 2010

Esboço

Vim da Natureza
Para a Natureza voltarei.
Primeiro: sonho-te.
Danço contigo rituais
Desenhamos pinturas tribais.
Sequelas que deixamos intemporais.
Neste mundo de histórias errantes
Construo momentos ancestrais.
Em que tu és feiticeiro
E eu, magia em ti.
Segundo: desenho-te
Risco-te em papel mata-borrão.
Esboço de fantasia em meu coração.
Pincelo-te de cores poéticas
Tons amenos em fundo garrido.
Na floresta do meu ser emolduro-te.
Dou-te vida, para depois...
Nas águas intempestivas da tua ribeira
Absorver-te...como galardão.
Terceiro: Sinto-me saciada.
Num ápice,
Mergulho em águas frígidas
Comigo a tua alma
Essência da minha fórmula.
-
In " LER-TE ",
de Helena Isabel ( http://ler-te.blogspot.com )
Postar um comentário