sexta-feira, 11 de outubro de 2013

Cena sobre as águas calmas do mar


Olhos de camelo vassourando a lonjura do deserto...
Assim a gaivota grande de papo branco baloiça sobre as águas azuis e rasas e calmas do mar…
Solitária, livre e esbelta,

Eis que levanta brusca e briosamente voo
e segue o parceiro que a chama
No voo alucinante sobre as águas...

Lx, 2011
Postar um comentário