domingo, 8 de agosto de 2010

Estás longe-perto

Onde estarás?
Só depois de partires
É que melhor te conheci
E mais te amei.
Estás algures longe-perto.
Será que um dia nos vamos encontrar
Quando eu partir para esse lugar?
Amo-te.
Faz hoje anos que partiste.
Tanto te amei.
Devia ter-te amado mais.
Mas há coisas que só vemos depois!
Tu sabes quais são!
Tens escutado a minha voz
E o meu pensamento.
Estás longe-perto!
-
Mertola, 7/8/2010
-
Os caminhos do silêncio
-
Foto minha
Postar um comentário