segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Dissonâncias

Olho a maré vazia,
E vejo as dissonâncias
Que escutava
E perturbavam a canção do mar
Na maré cheia
Que as cobria !...
Deixem-me só!
Não quero companhia!...
------------
Junho de 2oo9
Santa Cruz
---------------
( Caminhos do Silêncio )
Eduardo Aleixo
Postar um comentário